UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES
UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES

FISIOLOGIA DO EXERCÍCIO - PRESCRIÇÃO DO EXERCÍCIO

Confirme os dados do seu curso e a oferta escolhida
Clique em inscreva-se e preencha o formulário com seus dados
Escolha sua forma de pagamento e economize em todas as mensalidades
Adquira seu voucher e bons estudos!


UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES EAD
2º semestre de 2020
Início do curso: 23/09/2020
Integral
Você será isento da matrícula UCAM e a bolsa de desconto será aplicada em todas as mensalidades do curso
Matrícula: R$ 180,00
Bolsa de 50,00 %
De 18x de R$ 260,00 por 18x de R$ 130,00

Sobre o curso
O exercício e a atividade física vêm sendo cada vez mais confirmados como estímulos capazes de evitar os processos deletérios decorrentes das várias doenças crônicas degenerativas. Tal fato torna-se ainda mais relevante diante da crescente constatação que abordagens farmacológicas são extremamente caras e proporcionalmente não apresentam o retorno esperado, tornando sua relação custo-benefício pouco interessante. A cada dia mais e mais estratégias são desenvolvidas e os estudos em Fisiologia do Exercício demonstram cada vez mais que determinados tipos de atividade são mais adequados para determinados tipos de patologias. Mesmo que se leve em consideração os indivíduos que não apresentam problemas de saúde a simples manutenção do que se considera aptidão física exige uma enorme quantidade de conhecimentos específicos. Tais informações demonstram aquilo que muitos insistem em não perceber, a prescrição do exercício físico e/ou atividade física exige um grau cada vez mais crescente de especialização. Outrora essa exigência era privilégio dos profissionais envolvidos no esporte de alto nível onde todos os parâmetros fisiológicos devem ser conhecidos “a fundo” para que se possa atingir limites superiores de desempenho. Com isto, a Fisiologia do Exercício deixou de ser um campo restrito à uma parcela ínfima da população e seu campo de ação expandiu-se para todas as áreas de atuação do profissional de Educação Física. Além disso outros profissionais como o fisioterapeuta, o nutricionista, o médico com especialização em medicina esportiva, endocrinologia e cardiologia passaram a ter necessidade de conhecer como o exercício interfere na fisiologia humana pelo fato de seus clientes também utilizam o exercício físico como forma de tratamento. Essa tendência vem sendo assimilada pelo Mercado de trabalho que passa a selecionar os profissionais mais preparados em termos do conhecimento de como o exercício modifica a fisiologia humana a fim de se obter os melhores frutos evitando simultaneamente prejuízos decorrentes da prática inadequada.
Disciplinas

·         Fisiologia Básica aplicada ao Exercício
Nutrição aplicada ao exercício/Metabolismo de carboidratos
Metabolismo de Proteínas
Metabolismo de lipídeos
Suplementação esportiva
Fisiologia celular
Bioquímica e bioenergética aplicada ao exercício

·         Fisiologia dos Sistemas aplicada ao Exercício
Fisiologia do sistema endócrino e exercício
Fisiologia do sistema cardiovascular aplicada ao exercício
Fisiologia do sistema imunológico e exercício
Fisiologia do sistema neuromuscular aplicada ao exercício

·         Fisiologia do Exercício aplicada ao Treinamento
Prescrição de exercício para treinamento de força
Prescrição de exercício para populações especiais
Prescrição de exercício para crianças e adolescentes
Métodos de avaliação do VO2max e limiar ventilatório
Limiar de lactato

·         Metodologia do Ensino e da Pesquisa

Público-alvo: Graduados em Educação Física, Medicina, Nutrição, Fisioterapia e graduados de áreas correlatas
Mercado de Trabalho:
Estimular a conscientização do profissional, através de sua atuação técnico-pedagógica no contexto social, fundamentado em uma melhor qualidade técnico-científica na área de Fisiologia do Exercício, no sentido de prepará-lo para atuar com mais segurança e melhor padrão profissional, tanto no atendimento direto ao cliente, quanto em instituições de ensino, lecionando e/ou fomentando a produção científica através da pesquisa.